Era pra ser outro texto

Imagem

Era pra ser um texto sobre o aniversário – sobre os 27 anos, mas agora não há nada pra ser escrito sobre isso.

Era pra falar de amor, de amar, da mãe e dos amigos, mas neste momento nada iria sair.

Eu só queria expressar que se o mundo é egoísta imagine então o interior das pessoas… Não eu não quis generalizar, mas no momento é tudo o que consigo pensar.

Em egoísmo, altruísmo, nervosismo. E nada foi com a intenção de rimar, pois possessão vem em seguida.

Por mais que você faça pelas pessoas, por mais que você as ame, por mais que você se doe, elas vão achar uma frase, um jeito, uma brecha, uma forma de atingir um ponto que te machuque muito, que te magoe e que te faça ter vontade de te não ter existido, de te segurar, de não SER.

Por que às vezes dá vontade de fugir, de sonhar, de sumir, de ir, varrer, dissipar – DESINTEGRAR. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s