Receita para preparar “Lulismo”

Momentum caminhos para o autoritarismo

Quinhentos gramas de populismo, quatrocentos gramas de socialismo, três xícaras de chá de analfabetismo e duas colheres de sopa de assistencialismo. Corrupção, fraude, falta de ética e escândalos a gosto. Essa é a receita para o “Lulismo”, ou seja, uma nova tendência, uma maneira de conduzir um governo com medidas favoráveis e agradáveis à população. Nesse governo do nosso querido presidente Lula, medidas como o Bolsa família, Bolsa escola e o Fome Zero (bandeiras “tapa-buracos”, esmola para uma nação alienada que o ama) ajudam sim, mas a finalidade mesmo é aumentar a aprovação do presidente junto à parcela beneficiada da população. Assistencialismo? Sim claro! Quem é que não quer uma cesta básica, um vale gás, vale dinheiro se estudar, um vale isso, uma vale daquilo…

Perdoe-me o leitor por estas minhas palavras ignorantes e imbecis, mas como o senhor excelentíssimo presidente disse em discurso durante a cerimônia de formatura do Planseq (programa de qualificação dos beneficiários do Bolsa Família)  “ainda tem gente que critica o Bolsa Família. Eu acho normal. Alguns dizem assim: o Bolsa Família é uma esmola, é assistencialismo, é demagogia e vai por aí a fora. Tem gente tão imbecil, tão ignorante, que ainda fala ‘o Bolsa Família é para deixar as pessoas preguiçosas porque quem recebe não quer mais trabalhar’”. Quem sou eu para contrariar o companheiro não é mesmo?

Ah! Se quiser incrementar a receita com recheio é só bater com uma pitada de traição e palhaçada: Depois de chamar o “Bolsa Família” de “Bolsa Esmola” por muito tempo, o PSDB resolveu, assim, de uma hora pra outra, lembrar que foram eles mesmos que iniciaram esse Programa Social o qual o Lula resolveu ampliar e sentar em cima, se é que me entendem…

Para os que não gostam de recheio e preferem cobertura, temos também o projeto de “Bolsa Celular”.

E o que seria essa bolsa? Seria uma doação de telefones celulares com R$7,00 por mês de crédito, de graça, para famílias de classes D e E. Essa brilhante novidade foi elaborada pelo ministro das Comunicações, Hélio Costa.

Estou torcendo pra daqui a alguns dias inventem o bolsa-câmera digital, estou precisando de uns acessórios pra minha.

Bom, no fim bata tudo no liquidificador e cozinhe em fogo bem alto. Cuidado para não se queimar e faça tudo direitinho. Faça tudo direitinho, siga a receita, não adicione nada, e muito menos questione. Quem sabe assim você não ganha um Bolsa Família, um Bolsa Escola, ou até um celular que legal!Eu quero um 4G.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s