Domingo é uma bosta!

Domingo, ahhh domingo!

Meus domingos já não são mais os mesmos. Perdoem-me pelo palavreado, mas meus domingos são uma bosta!

Domingos sempre foram melancólicos e depressivos mas eu sempre tinha alguma coisa pra me distrair: a missa pra eu ir como coroinha, a casa da minha avó, a programação do SBT…

Eu adorava ir até a casa da minha avó Maria todos os domingos. Minha outra vó ia também, às vezes, e eu ficava com duas vós só pra mim! As duas me paparicando, abraçando, apertando, dando bronca:

“-Maria Júlia! (xiii quando fala o nome composto…) isso é pra depois do almoço! Xispa daí!” Hehehehe…até das broncas, brigas e chineladas (que nem doíam) eu sinto falta.

Eu via meus tios, via minha prima e os cachorros e passarinhos da minha vó…todo mundo sentado à mesa comendo, falando alto. Minha vó Maria sempre fez deliciosas balas de coco, feijoadas, frango assados e suco de laranja. Tudo isso e muito mais…

Depois íamos pra sala da frente ouvir música, papear, ou ficar olhando um pra cara do outro esperando fazer a digestão. O vô ficava em cima dos netos e sempre querendo agradar, até hoje ele é assim.

Depois eu ia pra minha casa e tinha minha vó/mãe Júlia morando comigo. Aí a noite tinha sopa e coisas Húngaras gostosas. Eu e ela sentávamos no sofá e enquanto tomávamos sopa víamos “Porta da esperança” e às vezes ela deixava eu ver “Topa tudo por dinheiro” porque acabava muito tarde. Foi aí que eu viciei na programação tosca do SBT e do Sílvio.

A noite batia uma depressãozinha básica de todo domingo porque a semana ia começar ou porque havia lembrado que tinha esquecido de fazer uma tarefa escolar, ou porque eu queria ver o “Topa tudo”.

Os domingos não tinham MSN pra ficar papeando com os amigos, não tinha 500mil canais pra ficar zapeando, não tinham preocupações de TCC nem financeiras.

E eram assim os domingos. Tinham cheiro de casa de vó, eram melancólicos mas mágicos…

Minhas avós estavam lá. Era tudo mais simples e mais cheio de cor e magia…

Agora quase não se vê mais magia. Eu cresci e mudei de cidade. Minha vó Júlia se foi e levou um pedacinho da magia com ela. Minha vó Maria ficou lá em Bauru e ainda guarda um pouco da magia pra quando passo por lá…

Mas os domingos? Não…eles já não são mais os mesmos. E perdoem-me pelo palavreado, mas meus domingos, agora,são uma bosta!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s